John Cleese se inscreve na lista de cancelamento e desiste de evento

No início da semana, John Cleese cancelou a sua participação em um debate na Universidade de Cambridge. Além disso, ele mesmo se colocou numa “lista negra” de pessoas canceladas.

Veja Mais Em: Maquinista de Trem Canta Monty Python Para Passageiros

É que a Universidade de Cambridge convidou o membro do Monty Python para palestrar na Cambridge Union, a sociedade de debate e liberdade de expressão.

Segundo o site da BBC, Cleese ia visitar a universidade para falar sobre um documentário que está produzindo, que trata da cultura do cancelamento. Mas, ironicamente, ele desistiu de participar.

CANCELAMENTO

O motivo de John Cleese ter desistido de ir à universidade é que a Cambridge Union baniu o crítico de arte Andrew Graham-Dixon por ter imitado Hitler durante um debate sobre o ‘conceito de bom gosto’. Ele pediu desculpas, mas rejeitou “a implicação de que sou racista e anti-semita”.

Foi então que Cleese decidiu se auto-cancelar:

Estava entusiasmado para falar aos estudantes, mas ouvi dizer que alguém lá foi colocado na ‘lista negra’ por fazer uma imitação de Hitler. Lamento ter feito o mesmo num esquete da série Monty Python’s Flying Circus. Portanto, me coloquei na ‘lista negra’ antes que outra pessoa o faça.

O presidente da Cambridge Union reagiu com frustração à desistência, e disse que era uma “grande pena” Cleese não comparecer, pois os membros aguardavam a participação dele com entusiasmo.

Mas temos a esperança de resolver a situação o mais cedo possível.

Thiago Meister Carneiro

Jornalista Especialista em Estudos Linguísticos e Literários, 40 anos na cara. Às vezes grava o podcast "Pythoneando" e às vezes assiste Monty Python na Netflix. Autor dos livros "A História (quase) Definitiva de Monty Python" e "O Guia da Carreira-Solo dos Membros do Monty Python"

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.