John Cleese ficou furioso com a versão da série ‘Fawlty Towers’

O jornal The Herald declarou que a lenda da comédia John Cleese ficou furioso com uma versão da série Fawlty Towers.

E o motivo é que o tal tributo foi feito por atores contratados por uma empresa australiana.

John Cleese furioso com a versão da série Fawlty Towers

Veja Mais Em: John Cleese retorna como Basil Fawlty em comercial

O motivo do python ter se enfurecido é o não pagamento dos direitos autorais aos autores da série, ou seja, ele e sua ex-esposa Connie Booth.

“Eles começam com uma série de vantagens: o conceito básico, 40 anos de publicidade não pagos, os personagens, os diálogos, doze episódios engraçados para ter como referência, além de todas as frases de efeito, sem a necessidade de pagar um centavo a Connie Booth e eu”, disse o python.

Nota da redação: Essa empresa que está produzindo esse “tributo” não tem ligação com o espetáculo teatral sobre Fawlty Towers que John Cleese está preparando.

O “tributo”, chamado Faulty Towers Dining Experience, nasceu na cidade de Brisbane, na Austrália, em 1997, e logo começou a rodar o mundo. Oito grupos de teatro agora percorrer o mundo sem parar.

Nele, atores interpretam os personagens Basil Fawlty, Sibyl e Manuel (John Cleese, Prunella Scales e Andrew Sachs, na série de tevê) em meio a clientes que estão jantando.

Os ingressos, sempre esgotados, custam 49,40 libras por pessoa (cerca de R$ 257).

DEFESA

A empresa produtora do evento se defendeu dizendo que “está agindo dentro da lei”.

“Nós não fazemos um show não autorizado – qualquer um que conhece a lei nesta área vai entender que nós não exigimos autorização para utilizar o conceito de Fawlty Towers”, disseram eles.

Nota da redação 2: Serei sincero, eu achei muito engraçado o vídeo abaixo.

Thiago Meister Carneiro

Jornalista Especialista em Estudos Linguísticos e Literários, 40 anos na cara. Às vezes grava o podcast "Pythoneando" e às vezes assiste Monty Python na Netflix. Autor dos livros "A História (quase) Definitiva de Monty Python" e "O Guia da Carreira-Solo dos Membros do Monty Python"

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.