Homem com câncer de próstata leva a vida ao estilo Monty Python

Em 2017, o britânico Andrew Hardy foi diagnosticado com câncer de próstata terminal, aos 61 anos.

Em uma entrevista ao jornal Nottinghamshire, ele contou que os médicos lhe disseram que o câncer acabaria por matá-lo.

Veja Mais Em: Grupo contra o câncer tem nome Pythonesco

O diagnóstico veio de uma simples visita ao seu médico sobre dores nas costas que estava sentindo.

Eu me lembro quando o médico disse que eu tinha câncer de próstata terminal. Eu me senti completamente entorpecido. Você não sabe mais em que pensar

Foi então que, mesmo assim, ele decidiu não se entregar e lutar contra a doença.

EXEMPLO

Pai de três filhos e avô de um neto, ele disse ao jornal que a doença não o impedirá de fazer o que gosta.

Eu trato a minha situação como Monty Python: ‘Sempre olhe o lado positivo da vida’. Não estou deixando isso me levar sem luta.

No Reino Unido, mais de 11 mil homens morrem de câncer de próstata a cada ano (um homem a cada 45 minutos).

BRASIL

Já no Brasil, o número de mortes em 2017 foi de 15.391 (segundo dados do Inca, o Instituto Nacional do Câncer, órgão ligado ao Ministério da Saúde).

Thiago Meister Carneiro

Jornalista Especialista em Estudos Linguísticos e Literários, 40 anos na cara. Às vezes grava o podcast "Pythoneando" e às vezes assiste Monty Python na Netflix. Autor dos livros "A História (quase) Definitiva de Monty Python" e "O Guia da Carreira-Solo dos Membros do Monty Python"

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.