Carol Cleveland se recusou a fazer topless no Monty Python

Carol Cleveland é considerada a “python mulher”, e ela nunca hesitou em fazer papéis que mostravam o máximo de sua figura voluptuosa.

Só que teve uma vez que ela achou que os caras do Monty Python foram longe demais, pois o roteiro de uma cena da série Flying Circus dizia que era para Carol fazer topless. Sendo assim, ela se recusou.

monty python carol cleveland topless

Veja Mais Em: Carol Cleveland criou perfil em site de namoro

De acordo com Carol, eles iam filmar um dos primeiros esquetes com a participação dela, numa praia da cidade de Torquay, na Inglaterra.

Na cena, ela deveria ser perseguida por um homem muito do sem vergonha.

MARILYN

Ela ia fazer o tipo Marilyn Monroe, num vestido com um casaco de pele branco e um sutiã de renda. Daí ela teria que sair correndo para fugir daquele homem e o sutiã deveria ficar preso em um cacto e ela continuaria correndo sem nada cobrindo os seios.

E então, ela correria para perto de John Cleese, e ele deveria dizer: ‘E Agora para algo completamente diferente”.

Mas tinha uma multidão de pessoas na praia. Eu nunca gostei de fazer topless perto de bastante gente. Foi a única vez que eu disse ‘Não’ para os Pythons, então eles me filmaram correndo de costas.

DESCULPAS

Na autobiografia, Carol Cleveland revelou que na cena do topless os pythons pediram desculpas a ela pelos papéis sexistas na série Flying Circus:

Michael veio até mim logo no segundo ou terceiro episódio e disse que eu não era apenas um rostinho bonito. Ele se desculpou e disse ‘nós não somos bons em escrever para mulheres.

Thiago Meister Carneiro

Jornalista Especialista em Estudos Linguísticos e Literários, 40 anos na cara. Às vezes grava o podcast "Pythoneando" e às vezes assiste Monty Python na Netflix. Autor dos livros "A História (quase) Definitiva de Monty Python" e "O Guia da Carreira-Solo dos Membros do Monty Python"

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.