Monty Python e as músicas mais inesperadas do cinema

O site australiano The Weekly Review fez um post chamado “As 9 músicas mais inesperadas do cinema”, com várias trilhas sonoras de filmes.

E Monty Python está nessa lista.

As músicas mais inesperadas do cinema

Veja Mais Em: Flying Circus: os diferentes créditos finais da série

Sim, pois de acordo com o site, os momentos musicais no cinema “tem o poder de inspirar, excitar e mover você, talvez ainda mais quando ocorrem em filmes não musicais”.

MÚSICAS

O site fala dos filmes Silkwood – O Retrato de uma Coragem, Top Gun, Tubarão e O Jovem Frankenstein, entre outros.

Mas o que nos interessa mesmo é a bela canção Always Look on the Bright Side of Life, do filme “A Vida de Brian”.

Condenado à morte por crucificação, Brian (Graham Chapman) tem de se animar quando outros homens, também crucificados, começam a cantar. Ela culmina com uns 23 homens assoviando, cantando e (tentando) dançar enquanto os créditos finais terminam. No funeral de Chapman, em 1989, o Monty Python cantou a música em sua homenagem. Na Cerimônia de Encerramento das Olimpíadas de 2012, em Londres, Eric Idle cantou depois de sua tentativa fracassada de ser atirado de um canhão

E pra vocês, quais são as músicas mais inesperadas do cinema?

Thiago Meister Carneiro

Jornalista Especialista em Estudos Linguísticos e Literários, 40 anos na cara. Às vezes grava o podcast "Pythoneando" e às vezes assiste Monty Python na Netflix. Autor dos livros "A História (quase) Definitiva de Monty Python" e "O Guia da Carreira-Solo dos Membros do Monty Python"

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.