John Cleese conta que sofreu depressão por amor

Esta semana, o jornal alemão Zeit Online publicou um trecho do livro de John Cleese, Ora, Como Eu Dizia… (disponível apenas em Portugal, por enquanto)

Nesse trecho, o membro do Monty Python de 75 anos fala sobre como um homem pode sofrer depressão por amor.

John Cleese sofreu depressão por amor

Veja Mais em: John Cleese fala de sua infância triste

De acordo com o jornal, ele teve fases depressivas graves. “Quando o meu primeiro casamento fracassou, eu me senti muito mal”, disse, se referindo ao casamento com a atriz Connie Booth.

Eu acho que fiquei deprimido por anos, sem saber como poderia me encontrar lá fora novamente.

TERAPIA

Sabendo se tratar de uma doença (a depressão por amor), Cleese logo tratou de fazer terapia de grupo.

Eu percebi que não estava deixando a minha tristeza ir embora.

A terapia de grupo finalmente o ajudou. E ele logo amou novamente, e fracassou novamente.

CASAMENTO

Mas, depois de três casamentos fracassados, ​​Cleese agora é feliz com sua quarta esposa.

Estamos juntos há seis anos, e eu sinto por ela um amor que eu não sentia pelas outras.

Thiago Meister Carneiro

Jornalista Especialista em Estudos Linguísticos e Literários, 40 anos na cara. Às vezes grava o podcast "Pythoneando" e às vezes assiste Monty Python na Netflix. Autor dos livros "A História (quase) Definitiva de Monty Python" e "O Guia da Carreira-Solo dos Membros do Monty Python"

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.