Filme do Monty Python está entre os melhores roteiros

O roteiro do filme Monty Python Em Busca do Cálice Sagrado foi considerado um dos melhores roteiros da história do cinema.

Sim!

Veja mais em: Um trailer moderno do ‘Cálice Sagrado’

O site CinemaBlend fez uma matéria intitulada Os 10 roteiros mais engraçados, de acordo com os melhores roteiristas de Hollywood.

Esses tais melhores roteiristas fazem parte de um tal The Writers Guild of America (algo como um clubinho dos roteiristas americanos).

O filme pythonesco ficou em nono lugar, o que é um ultraje (sou suspeito para falar), mas não tem problema.

Confira abaixo a lista maravilhosa:

1. Noivo Neurótico, Noiva Nervosa (1977), escrito por Woody Allen e Marshall Brickman;

2. Quanto Mais Quente Melhor (1959), escrito por Billy Wilder e I.A.L. Diamond;

3. Feitiço do Tempo (1993), escrito por Danny Rubin e Harold Ramis;

4. Apertem os Cintos, o Piloto Sumiu! (1980), escrito por James Abrahams, David Zucker e Jerry Zucker;

5. Tootsie (1982), escrito por Larry Gelbart e Murray Schisgal;

6. O Jovem Frankenstein (1974), escrito por Gene Wilder e Mel Brooks;

7. Dr. Fantástico (1964), escrito por Stanley Kubrick, Peter George e Terry Southern;

8. Banzé no Oeste (1974), escrito por Mel Brooks, Norman Steinberg, Andrew Bergman, Richard Pryor e Alan Uger;

9. Monty Python Em Busca do Cálice Sagrado (1975), escrito por Graham Chapman, John Cleese, Terry Gilliam, Eric Idle, Terry Jones e Michael Palin;

10. O Clube dos Cafajestes (1978), escrito por Written by Harold Ramis, Douglas Kenney e Chris Miller.

ROTEIRISTAS

Na verdade, será que esses roteiristas realmente saber fazer uma lista?

De acordo com o site CinemaBlend, eles precisavam se certificar de que clássicos americanos como Quanto Mais Quente Melhor e Noivo Neurótico, Noiva Nervosa estão no topo.

Eles precisavam incluir um filme americano moderno (Feitiço do Tempo), algumas escolhas tolas, mas contendo mais clássicos americanos (Apertem os Cintos, O Piloto Sumiu!, O Clube dos Cafajestes e O Jovem Frankenstein), e, claro, um filme de Stanley Kubrick.

Mas é isso aí, só para coroar o melhor grupo de humor do mundo, vou assistir ao filme pela 323i85984#45 vez!!

Thiago Meister Carneiro

Jornalista Especialista em Estudos Linguísticos e Literários, 40 anos na cara. Às vezes grava o podcast "Pythoneando" e às vezes assiste Monty Python na Netflix. Autor dos livros "A História (quase) Definitiva de Monty Python" e "O Guia da Carreira-Solo dos Membros do Monty Python"

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.