Criador de Black Mirror é fã de Monty Python

Você já deve ter ouvido falar no criador de Black Mirror, Charlie Brooker. Pode não ter ouvido, mas já deve ter assistido algo criado por ele.

Essa série da Netflix está arrebanhando cada vez mais fãs mundo afora, inclusive no Brasil.

Charlie Brooker, criador da série Black Mirror
Este é Charlie Brooker, criador da aclamada série

Veja Mais Em: Flying Circus: os maiores homens da Arqueologia

Tá, mas o que isso tem a ver com Monty Python?

MONTY PYTHON

Acontece que, ontem, Charlie deu uma entrevista para o site Vice, e falou sobre a inclusão da série (que ganhou mais uma temporada) no catálogo da Netflix e sobre as maiores influências no momento de sua bela criação.

A entrevista é um tanto comprida, mas eu só vou colocar aqui a resposta que nos importa, que é o seu gosto por comédia pythonesca.

Confira aqui:

Quais foram suas maiores influências de ficção científica?
“[…] Eu li O Guia do Mochileiro das Galáxias. […] E eu amei coisas como Matrix ou O Show de Truman. Mas o meu principal interesse sempre foi comédia, como Monty Python”.

Bem, foi o que o criador de Black Mirror disse.

Aqui embaixo tem um vídeo em que ele novamente fala sobre sua influência pythonesca.

Thiago Meister Carneiro

Jornalista Especialista em Estudos Linguísticos e Literários, 40 anos na cara. Às vezes grava o podcast "Pythoneando" e às vezes assiste Monty Python na Netflix. Autor dos livros "A História (quase) Definitiva de Monty Python" e "O Guia da Carreira-Solo dos Membros do Monty Python"

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.