A placa de Graham Chapman foi instalada novamente

Vocês se lembram da saga pythonesca da bela placa de Graham Chapman? Não lembram?

Pois então, eu vou lhes contar tudo o o que aconteceu com esse falecido membro do Monty Python.

A placa de Graham Chapman foi instalada novamente

Os amigos de Graham Chapman: John Bailey e Ifan Griffiths, e as senhoras eduardianas Margaret Spencer e Brenda Munton.

Veja mais em: Foguete vai lançar carga inspirada em Monty Python ao espaço

Acontece que em 1999, a cidade de Melton (onde Graham Arthur Chapman passou a infância) o homenageou com uma bela placa, que foi instalada na escola King Edward VII, onde ele estudou.

Só que a escola fechou em 2011. E, com isso, a placa desapareceu.

PLACA DESAPARECIDA

Em dezembro de 2015, alguém a encontrou. Mas a secretária da escola, Brenda Munton, anunciou que eles iriam guardá-la em um local seguro até que o prédio ganhasse algum cuidado no futuro.

Agora, temos uma reviravolta no caso: ela foi instalada na parede da loja Clinton Cards, que antes funcionava o Bell Hotel, onde a lenda da comédia costumava desfrutar de uma boa bebida.

John Bailey, um amigo de infância de Chapman, disse que o python costumava fazer as coisas e meter os amigos em problemas por causa disso.

Quando começamos a vê-lo na televisão, foi muito estranho no começo. Tivemos alguns bons momentos no Bell, então eu acho que este é um ótimo lugar para a placa.

Thiago Meister Carneiro

Jornalista Especialista em Estudos Linguísticos e Literários, 40 anos na cara. Às vezes grava o podcast "Pythoneando" e às vezes assiste Monty Python na Netflix. Autor dos livros "A História (quase) Definitiva de Monty Python" e "O Guia da Carreira-Solo dos Membros do Monty Python"

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *