Oscar que nada! Queremos Prêmio Brian!

Na segunda-feira, teve início a mostra de filmes que vão concorrer ao Prêmio Brian, um evento que premia os melhores filmes ateus e agnósticos do Festival de Veneza.

Como assim?

Veja Mais Em: Indiana Jones: e assim, Steven Spielberg citou Monty Python

É que todo ano tem o Festival de Veneza, o mais antigo festival de cinema do mundo. E, desde 2006, a União dos Ateus e Agnósticos Racionalistas premia o melhor filme apresentado nesse festival.

Para quem já sacou, o nome do prêmio faz uma clara alusão ao filme A Vida de Brian, e premia os filmes que destacam valores como a racionalidade, respeito pelos direitos humanos, a democracia, liberdade de consciência, o princípio da igualdade de oportunidades nas instituições públicas, sem as distinções baseadas no sexo, identidade de gênero, orientação sexual ou religiosa.

FESTIVAL DE VENEZA

O Festival Internacional de Veneza vai acontecer entre os dias 28 de agosto e 7 de setembro. Mas, enquanto a data não chega, a União dos Ateus e Agnósticos Racionalistas vai passar alguns dos filmes que já venceram o Prêmio Brian:

Os beijos nunca dados, de Roberta Torre (2010)
Os Idos de Março, de George Clooney (2011)
Philomena, de Stephen Frears (2013)
Spotlight, de Tom McCarthy (2015)
A Garota do Mundo de Marco Danieli (2016)

Thiago Meister Carneiro

Jornalista Especialista em Estudos Linguísticos e Literários, 40 anos na cara. Às vezes grava o podcast "Pythoneando" e às vezes assiste Monty Python na Netflix. Autor dos livros "A História (quase) Definitiva de Monty Python" e "O Guia da Carreira-Solo dos Membros do Monty Python"

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.